Carregando...

ORLANDO TERUZ

(1902, Rio de Janeiro, RJ - 1984)

Foi aluno de Rodolfo Chambelland e Baptista da Costa na Escola Nacional de Belas Artes. Participou do Salão Nacional de Belas Artes, onde obteve o prêmio de viagem à Europa em 1937 e o prêmio de viagem ao país em 1942. Participou também da Bienal de São Paulo e de diversas coletivas no Brasil e no exterior. Na companhia de Lúcio Costa e Portinari, fundou o Salão Nacional de Arte Moderna. Realizou individuais em cidades como Rio de Janeiro, Belo Horizonte, São Paulo, Recife e Fortaleza. No exterior, expôs em Paris (França).

Favela

Sobre seu trabalho, escreveu Roberto Pontual: "Manteve como característica básica de sua obra a transição entre o fundamento tradicional e as novas tendências emergentes com a abertura do ciclo modernista. Neste sentido, e na disposição arraigadamente figurativa, o paralelo que de imediato se pode com ele estabelecer está em Portinari, já que também se preocupou, antes de mais nada, em sedimentar a sua formação dentro da disciplina de resíduos ainda neoclássicos da Escola Nacional de Belas Artes, no Rio."

Cena de favela - 1972

Fonte: www.bolsdearte.com e www.itaucultural.org.br




© www.artenarede.com